Digital Listas Livros Marcelo Borba

5 Livros de história da música digitalizados

Nesta publicação você encontra os livros "Pequena História da Música" (Mario de Andrade), "Canção Popular no Brasil" (Santuza Cambraia Nave), "História da Música Brasileira” (Bruno Kiefer), "Ensaio sobre a música Brasileira" (Mario de Andrade) e ainda "Práticas Criativas em [...]

Disponibilizo nesta publicação 5 materiais digitalizados que encontrei através de links coletados livremente na internet. São eles:

Pequena História da Música” de Mario de Andrade:

Mario de Andrade (1893 — 1945) nasceu em São Paulo, foi poeta, escritor, crítico literário, musicólogo, folclorista e ensaísta brasileiro. Ele é um dos pioneiros da poesia moderna brasileira com a publicação de seu livro “Pauliceia Desvairada” em 1922. Exerceu uma grande influência na literatura moderna brasileira e, como ensaísta e estudioso foi um pioneiro do campo da etnomusicologia.

"Pequena História da Música" de Mario de Andrade.

Livro “Pequena História da Música” de Mario de Andrade.

Trabalhou como professor de música e colunista de jornal e em 1928 publicou seu maior romance, Macunaíma. Mario de Andrade continuou a publicar obras sobre música popular brasileira, poesia e outros temas.

No capítulo 1 de “Pequena História da Música” Mario de Andrade diz: “É comum afirmarem que a música é tão velha quanto o homem, porém talvez seja mais acertado falar que, como Arte, tenha sido ela, entre as artes, a que mais tardiamente se caracterizou“.

Para conhecer um pouco mais a obra de Mario de Andrade, disponibilizo aqui o livro “PEQUENA HISTÓRIA DA MÚSICA” para acessa a versão digitalizada gratuitamente (clique AQUI);

Canção Popular no Brasil de Santuza Cambraia Naves

Neste livro Santuza Cambraia Naves propõe um recorte na história da música feita no Brasil a partir do século XX. Consciente de ser impossível traçar um vasto panorama de uma produção artística de grande qualidade, sua opção foi a de escolher – no campo extenso de extração popular – o que chama de canção crítica.

"Canção Popular no Brasil" - Santuza Cambraia Naves

Livro “Canção Popular no Brasil” – Santuza Cambraia Naves

A expressão canção crítica, em vez de mero rótulo classificatório, torna-se uma ferramenta conceitual para refletir sobre aquele tipo de composição que, de algum modo estabelece articulação entre o estético e o cultural. Variando sua veiculação de acordo com o período – sobretudo o rádio até os anos 1960, em seguida a televisão até os anos 1970 e, mais recentemente, o ciberespaço -, a música Brasileira sofreu com as dicotomias hierarquizantes, entre o erudito e o popular, ou entre o popular e o “popularesco” (como pregava Mário de Andrade). […] Segue na orelha do livro.

Link para baixar

“História da Música Brasileira” de Bruno Kiefer

O próximo material que disponibilizo nesta publicação é o livro História da Música Brasileira do musicólogo, compositor e crítico musical Bruno Kiefer. Seus escritos incluem vários títulos de musicologia, o que lhe rendeu prêmios em concursos de composição da Rádio MEC, na FUNARTE e menção honrosa na Sociedade Brasileira de Música Contemporânea.

Livro: História da Música Brasileira – Bruno Kiefer

SobreBruno Kiefer veio para o Brasil aos 11 anos de idade, morou em Santa Catarina e, mais tarde, em Porto Alegre. Estudou no Instituto de Belas-Artes de Porto Alegre, foi aluno de H. J. Koellreutter, Ênio de Freitas e Castro, e de Julio Oscar Grau. Posteriormente foi professor na mesma instituição lecionando as disciplinas de História da Música e História da Música Brasileira (disciplina criada por Kiefer), História e Teoria dos Instrumentos, Apreciação Musical e Teoria do Som. Foi também um dos fundadores da OSPA (Orquestra Sinfônica de Porto Alegre) e do Curso de Pós-Graduação em Música da UFRGS.

Segue o livro “História da Música Brasileira” (1976) em uma versão digitalizada e disponível para download:

CLIQUE AQUI

Ensaio sobre a música Brasileira” de Mario de Andrade

Livro: Ensaio sobre a música Brasileira – Mario de Andrade

Em outros artigos falei sobre autores e livros importantes para a História da Música Popular Brasileira. Na sequência disponibilizo o livro de Mario de Andrade chamado “Ensaio sobre a música Brasileira“.  Este material é de 1928 e trata das influências culturais na constituição rítmica, melódica e formal da música brasileira. Aborda os conceitos de música popular e erudita e apresenta ampla pesquisa de cantos e danças individuais e coletivos: cocos, lundus, modinhas, toadas, cantos infantis, de trabalho, religiosos, militares e etc.

BAIXAR AQUI

Práticas Criativas na Educação Musical

A preocupação com as práticas criativas em Educação Musical é o germe de toda pesquisa desenvolvida pelo GEPEM no decorrer dos anos e a vinda de Chefa Alonso contribuiu fortemente com as investigações do grupo. Sua experiência enriqueceu o trabalho e reforçou a percepção da importância de se aprofundar no estudo dessa temática e em sua aplicação em diferentes contextos, nas escolas, projetos sociais e em cursos profissionalizantes e superiores de Música.

No livro CIRANDA DE SONS: PRATICAS CRIATIVAS EM EDUCAÇÃO MUSICAL, Marisa Trench de Oliveira Fonterrada oferece ao leitor o resultado de sua pesquisa na área de Educação Musical, partindo da análise da experiência de Chefa Alonso e enveredando por uma profunda reflexão a respeito do tema, graças à colaboração de educadores musicais de todo o país, consultados por internet, e de pesquisadores brasileiros e espanhóis entrevistados. Em Ciranda de sons, apresenta-se um levantamento inédito de como o assunto tem sido tratado no Brasil, tanto no que se refere à produção acadêmica quanto no que diz respeito à atuação de professores de música brasileiros de diferentes formações e que atuam em múltiplos espaços, assim contribuindo para o desenvolvimento da área da Educação Musical.

Sobre a autora: Marisa Fonterrada, docente do Instituto de Artes da Unesp, é mestre em Psicologia da Educação, doutora em Antropologia pela PUC-SP e livre-docente em Educação Musical pelo Instituto de Artes da Unesp. É membro fundador do The World Forum for Acoustic Ecology (WFAE), do Forum Latinoamericano de Educación Musical (Fladem) e da Associação Brasileira de Estudos Canadenses. É membro do The Wolf Porject, grupo canadense que se reúne anualmente para realizar a obra artístico-ecológica de Murray Schafer na floresta de Haliburton, Ontário.

Sobre o livro: Desde a década de 1960, as práticas criativas em Educação Musical têm sido alvo de interesse e estudo de muitos educadores musicais/ compositores em todo o mundo. Esteve também bastante presente no Brasil, com as propostas de Hans-Joachim Koellreutter e Conrado Silva, entre muitos outros. Assinale-se, também, a presença no país do canadense Murray Schafer a partir de 1990, que exerceu grande influência nos estudos dessa temática, desde que começou a visitar o Instituto de Artes da Unesp e a ter seus livros publicados no Brasil.
Recentemente, em 2011 e 2012, prosseguindo em sua tradição de pesquisar esse tema, o GEPEM – Grupo de Estudo e Pesquisa em Educação Musical –, sediado no IA/Unesp, recebeu a visita da pesquisadora e docente Chefa Alonso, musicista espanhola especializada em técnicas de Improvisação Livre, em que se destaca o trabalho sistemático de criação e improvisação com instrumentos, voz e corpo.

Livro publicado pela Editora Unesp e disponível gratuitamente para baixar

Baixar diretamente no site da editora Unesp

Arquivo no google drive

Veja também:

SONGBOOKS DE JAZZ DIGITALIZADOS

Sobre o autor | Website

Músico, percussionista e educador musical. Responsável pelas publicações do site.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!