RUDIMENTOS E MANULAÇÕES PARA CAIXA-CLARA

Ao buscar na internet por material didático relacionado a técnica de mãos, tanto para bateria quanto para percussão, costumo encontrar dois tipos recorrentes de exercícios: 1) lista com os 40 RUDIMENTOS (autores variados) e 2) uma série de desdobramentos dos mesmos RUDIMENTOS  na bateria ou em set’s de percussão.

Além do catálogo da PASIC com os 40 RUDIMENTOS, existem outros livros e materiais didáticos que exploram o estudo de grupos rítmicos, tipos de toque e sequência de mãos na percussão.

No dia-a-dia de todo percussionista/baterista, além dos rudimentos, é útil o domínio das manulações básicas em tambores e sets percussivos (ex: direita/esquerda, direita/direita, esquerda/esquerda). Mais que entender e praticar os 40 rudimentos, considero fundamental dominar 3 tipos básicos de sequência de mãos: toque simples (direita/esquerda), toque duplo (direita-direita/esquerda/esquerda) e paradiddle (DEDD/EDEE). Nesse sentido, disponibilizo uma sequência de exercícios básicos úteis para o estudo técnico diário. Este material também serve de base para a criação de outros modelos de estudo.

Sequência de mãos para o estudo dos rudimentos

O QUE SÃO RUDIMENTOS?

Os rudimentos são padrões rítmicos de referência para o estudo da percussão. Acesse a lista de 40 rudimentos elaborada pela Percussive Art Society (PAS) AQUI. A partir dos grupos rítmicos é possível explorar possibilidades de execução variando a sequência das mãos (manulação).

MANULAÇÃO

Os padrões de manulação utilizados para estudar os rudimentos são tão importantes quanto o próprio grupo rítmico. A combinação entre as mãos direita (R) e esquerda (L) nos permite criar determinados padrões de sequência de mãos. Exemplos:

  • Toque simples: R L R L
  • Toque Duplo: R R L L
  • Paradiddle: R L R R – L R L L

O exercício que disponibilizo neste post é focado na alternância das mãos dentro de um movimento de troca de figura rítmica a cada 2 compassos. Os 3 tipos de sequência de mãos mencionados acima (simples, duplo e paradiddle) são requeridos dentro do modelo proposto.

Estudo dos rudimentos para caixa-clara

BAIXAR O MATERIAL EM ALTA RESOLUÇÃO
O acompanhamento do metrônomo é fundamental para estudar este material. O click do metrônomo servirá de referência externa e ajudará a manter a pulsação sem oscilações. O foco neste momento é a regularidade das pulsações.

COMO ESTUDAR?
Você pode estudar este exercício em diferentes superfícies. Utilize um praticável, ou a própria caixa-clara (de preferência com uma toalha sobre a pele) ou ainda em qualquer superfície que tenha rebotes controlados.

O QUE DEVE SER OBSERVADO:

  • Primeiramente é importante executar com segurança a troca de figuras rítmicas (seminimas/colcheias/tercinas/semicolcheias/sextinas/fusas);
  • Tocar os trechos sem qualquer acentuação;
  • Escolher um tipo de dinâmica e mantê-la do início ao final da folha. Ao retornar ao início, altere a dinâmica e siga a mesma sequência.
  • Execute em diversos andamentos.

ROTINA DE ESTUDOS:
Criar uma rotina de estudos é fundamental para qualquer instrumentista que deseja evoluir musicalmente. Sobre isso, sugiro que leia o seguinte texto:

Ainda não tem metrônomo? Baixe GRATUITAMENTE.

Aplicativo para celular.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.